Home / Séries / The Walking Dead 06×16 “Último dia na terra”

The Walking Dead 06×16 “Último dia na terra”

Neste último episódio da temporada de The Walking Dead acompanhamos duas jornadas: Morgan em busca da Carol e a de Rick e Cia. Morgan acha Carol ferida e deitada na escada de uma biblioteca. Ela vive um momento de conflito que pode prejudicá-la bastante no mundo fora de Alexandria. A filosofia de Morgan mexeu com ela, que agora vive vários questionamentos com relação à forma como ela tem agido. Acho este ponto interessante, pois temos mais contato da complexidade desta personagem.

Após uma pequena conversa, os dois entram na biblioteca e Morgan cuida do ferimento de Carol. Carol consegue sair do local sem que Morgan perceba, então ele novamente sai à procura dela. Em fuga, ela é atacada pelo salvador sobrevivente do ataque ocorrido no episódio anterior. Ele atira em seu braço e diz que vai assistir sua morte lenta. Carol implora para que ele a mate de uma vez e ele, prestes a atirar, é morto por Morgan, que sai de sua filosofia de vida com esta atitude. Será que Carol também o influenciou?

Carol e Morgan são encontrados por dois homens, um deles foi o que Morgan salvou do tiro de Rick no episódio anterior. Eles vestem um tipo de armadura e andam a cavalo. Parecem vir de algum outro grupo ao qual seremos apresentados na sétima temporada.

Rick e Cia saem de Alexandria em direção a Hilltop em busca de cuidados médicos para Maggie. No entanto, conforme eles esperavam, se deparam com os Salvadores no caminho. Os Salvadores propõem uma negociação a qual Rick se nega. Este também percebe que seu grupo não poderia enfrentá-los no momento. Sendo assim escolhe voltar e buscar um caminho alternativo para Hilltop. Destaco aqui o trabalho em grupo desenvolvido por eles, isso mostra que não há mais aquela divisão de AlexandriaXGrupo do Rick, agora eles parecem estar no mesmo lado e em uma relação de confiança.

Nos caminhos alternativos pensados pelo grupo eles se deparam novamente com os Salvadores. Neste momento Rick começa a perceber que o trajeto não vai ser tão tranquilo conforme ele pensava. E isto demonstra a força e quantidade dos Salvadores. Destaco também o momento em que Rick tenta passar tranquilidade para Maggie, dizendo que está tudo tranquilo e que logo chegariam a Hilltop, no que ela acredita, dizendo confiar nele e o agradece. Foi uma cena curta e bonita. Após um tiroteio por parte dos Salvadores, o grupo se reúne novamente e pensam numa alternativa. Eugene se oferece para conduzir a trailer enquanto os outros carreguam Maggie até Hilltop, com o objetivo de enganarem os Salvadores, que provavelmente os aguardava em algum outro trajeto.

A partir daí vivenciamos um dos melhores momentos do episódio, um misto de suspense e nervosismo. O grupo segue carregando Maggie pela floresta até que começam os assovios dos Salvadores. Tendo que pensar e agir rápido, o grupo acelera o passo com o intuito de conseguir escapar ou achar um lugar seguro. Por azar deles, são levados para um local onde o inimigo está concentrado e eles se veem cercados e sem o que fazer. Eugene também foi capturado e também estava lá com a cabeça sangrando, obra de algum salvador provavelmente.  A partir deste momento, as feições de Rick nos entrega que ele está perdido. Ele parece com medo e sem saber o que fazer (Parabéns Andrew, ótimo trabalho).Rick Lucille

O grupo, sem ter o que fazer, obedecem as ordens dos Salvadores que os colocam de joelhos e recolhem as armas. Neste momento Daryl, Glenn, Rosita e Michonne também são colocados junto ao grupo. Todos a postos, o chefe PE convidado pra festa: Negan. Ele se apresenta, fala de sua “filosofia de vida” e como tem encarado o mundo no apocalipse zumbi. E também como espera que os outros se comportem. Devido a matança que Rick e Cia fizeram nos Salvadores, Negan afirma que, como consequência, ele irá espancar um deles com a Lucille até a morte. Como Negan alega ser difícil escolher, parte para o uni duni tê. Vitima “escolhida”, o beijo de Lucille acontece. Porém o público só saberá quem morreu em Outubro, pois a câmera se torna o olhar da vítima e após isso o episódio termina.

Eu gostei muito do episódio, me trouxe nervosismo, apresentou um clima de suspense e tensão. Alguns personagens se expuseram mais, aumentando sua ligação com o público e o grupo. No entanto achei o final frustrante, pois acho que o clímax todo levava pra vitima ser apresentada nesta temporada. O fato de deixar pra próxima pode reduzir o impacto. Outro ponto que julgo não ter sido uma boa opção ocultar a vítima é que será quase impossível manter isso em segredo até Outubro. Por diversas questões como contrato com o elenco, ausência nas gravações, etc;o segredo pode ser revelado.

Com relação a 6 temporada, pra mim foi a melhor até agora, os acertos superaram os erros em muito. Gostei da condução e ritmo, episódios marcantes e que proporcionaram uma maior exposição dos personagens. Como maior erro, coloco o fato de não ter mostrado quem foi beijado por Lucille pelos motivos acima. Espero ansiosamente pela 7º com boas expectativas e na torcida pra vítima ser revelado no 01 episódio e que seja Gleen ou Daryl. Abraços Walkers.

neganlucille

Sobre leoodn

Psicólogo apaixonado por música, séries, livros e filmes. Consequentemente meus programas prediletos são ir a show, festival, cinema ou ficar em casa com uma boa leitura ou assistindo alguma coisa.

Veja também

Série Outcast S02xE05: “O Bem Comum”

Série Outcast S02xE05: “O Bem Comum” Confira aqui no Baconews o Episódio Comentado da série …

Comentários no Facebook